Brasil SSP-SP afirma ‘motociata’ de Bolsonaro custou R$1,2 milhão ao governo

12 de junho de 2021, às 23:38

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo (SSP-SP), foram gastos mais de R$ 1,2 milhão apenas com o reforço no policiamento para a ‘motociata’ do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) realizada no último sábado (12), na capital paulista. Policiais das três forças de segurança estaduais foram convocados para garantir a segurança do presidente e a fluidez no trânsito.

Segundo informações do portal UOL, a Secretaria informou que o evento foi monitorado por câmeras fixas, móveis e por agentes fardados. Segundo o órgão, o reforço foi feito “para garantir a segurança da população, a fluidez no trânsito e o direito à livre manifestação”, explicou.

O trajeto, que tinha 129 km, contou com mais de 6.300 policiais das três forças de segurança estaduais, cinco aeronaves, dez drones e 600 viaturas, entre carros, motocicletas e bases comunitárias móveis. Todo ato foi monitorado pelo sistema Olho de Águia, por meio de câmeras fixas, móveis, motolink e bodycams.

Ainda de acordo com o UOL, o presidente pilotou moto com a placa coberta, infração gravíssima prevista no Código de Trânsito. A Secretaria de Segurança informou que “o Comando de Policiamento de Trânsito da Capital e a Polícia Rodoviária informam que todas as infrações de trânsito constatadas durante o ato realizado neste sábado (12) estão sendo lavradas e encaminhadas aos órgãos competentes”, disse.

Comentarios