Brasil Falas de Bolsonaro não tiveram impacto sobre vacinação, acredita ministro da Saúde

06 de maio de 2021, às 16:24

Ministro da Saúde do Brasil, o médico Marcelo Queiroga afirmou que as declarações contrárias do presidente Jair Bolsonaro contra as vacinas que combatem a infecção por coronavírus não tiveram impacto sobre a população brasileira. As declarações foram dadas durante sessão da CPI da Covid, no Senado, na mahã desta quinta-feira (6).

Em diversos momentos, Bolsonaro colocou em dúvida a eficácia dos imunizantes e apontou para supostos efeitos colaterais, como um ser humano se transformar em um jacaré.

“Penso que não têm impacto sobre a população. Mais de 85% da população quer receber a vacina e o governo mandou MP com dinheiro para comprar vacinas”, disse Queiroga, à CPI da Covid.

Comentarios