Mundo Ex-assessor de Donald Trump é preso acusado de fraude milionária

20 de agosto de 2020, às 10:14

O ex-estrategista-chefe da Casa Branca na gestão de Donald Trump, Steve Bannon, foi preso após ter sido indicado pelo crime de conspiração para cometer fraude.

De acordo com um comunicado publicado nesta quinta-feira (20) pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos, Steve é acusado de levantar dinheiro para uma campanha de apoio à construção de um muro entre os Estados Unidos e o México que ele teria usado para outros fins.

Além dele, outros três cúmplices foram acusadas de terem usado fundos de campanha de forma inconsistente, Brian Kolfage, Andrew Badolato e Timothy Shea.

A campanha da qual o ex-assessor retirou o dinheiro, ‘We Built That Wall’ arrecadou US$ 25 milhões, cerca de R$ 142 milhões, que foram doados por diversas pessoas.

Bannon embolsou ao menos US$ 1 milhão. De acordo com a rede MSNBC, que ouviu pessoas ligadas ao ex-assessor, ele não deverá se declarar culpado.

Comentarios