Política Dayane Pimentel não acredita no retorno de Bolsonaro ao PSL e chama presidente de desumano

20 de abril de 2021, às 14:34

A deputada federal Dayane Pimentel (PSL-BA) disse nesta terça-feira (20) que não acredita no retorno do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao PSL. A parlamentar baiana ainda chamou o chefe do Executivo nacional de “desumano”.

“Luciano Bivar é um político experiente, sensato e equilibrado. Não iria se deixar levar pela incoerência de um presidente truculento, demagogo e desumano”, declarou a parlamentar nas redes sociais.

Nas últimas semanas, Bolsonaro tem conversado com alguns partidos como o PSL, PMB e Patriota, pensando na candidatura à reeleição em 2022. No entanto, o presidente tem exigido a expulsão de opositores do governo federal para se filiar a legenda.

Em uma tentativa de atrair Bolsonaro, o Patriota expulsou o vereador de São Paulo Fernando Holiday por contrariar a sigla em fevereiro ao não apoiar Arthur Lira (PP-AL), candidato de Bolsonaro, ao comando da Câmara dos Deputados. Porém, o mesmo não tem acontecido no PSL, onde o presidente nacional da legenda, Luciano Bivar, tem resistido a exigência e não demonstra cogitar expulsar filiados.

Comentarios