Bahia Alba: mesmo após desculpas, oposição levará acusações de Alden ao Conselho de Ética

28 de abril de 2021, às 08:55

Mesmo após o pedido de desculpas do deputado estadual Capitão Alden (PSL), a bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) vai levar ao Conselho de Ética da Casa as acusações feitas pelo parlamentar que os deputados oposicionistas recebem mensalmente R$ 1,6 milhão da Prefeitura de Salvador.

Para o líder da oposição na Alba, deputado Sandro Régis (DEM), Alden terá tempo e condição de explicar as acusações no Conselho de Ética. O democrata ressalta que a declaração do colega “mancha o parlamento baiano”: “Ele vai ter que provar o que disse”.

“Esse assunto já está superado. Agora ele será tratado no Conselho de Ética da Assembleia, que é o local ideal para discutir esse tipo de estupidez, dita pelo deputado. Ele terá que provar o que disse e terá tempo e condições para isso. Esse tipo de declaração mancha o parlamento baiano”, afirma Régis.

Já o deputado Paulo Câmara (PSDB), destaca que muitas vezes Capitão Alden quis “ser maior que o parlamento”. “Esse tipo de comportamento dele, de querer ser maior que o parlamento, é habitual. Ele vai se explicar ao Conselho de Ética e pronto”, acrescenta.

Comentarios