SAMU: 192 | Bombeiros: 193 | Defesa Civil: 199 | Polícia Militar: 190 

  • Agência Nacional de Saúde 0800-611997
  • Alô-Trabalho 0800-2850101
  • ANEEL 0800-7272010
  • Ministério dos Transportes 0800-610300
  • Banco Central 0800-992345
  • Caixa Econômica Federal 0800-5740101
  • Central Antiveneno 0800-2844343
  • Central de Transplantes 0800-8832323
  • Central Doação de Órgaos (71) 3356-6776
  • Central Estadual de Regulação Médica 0800-714000
  • Coelba - Ligue Luz 0800-710800
  • Correios 0800-5700100
  • Disque-Meio Ambiente 0800-711400
  • Embasa Saneamento 0800-555195
  • Ministério da Educação 0800-616161
  • Fome Zero 0800-7072003
  • Hemoba (71) 3357-0900
  • Ibama 0800-618080
  • INSS 0800-780191
  • Ministério da Fazenda 0800-7021111
  • Pró-Menor 0800-713020
  • Receitafone 0300-780300
  • SAC 0800-715353
  • SOS-Tortura 0800-7075551
  • Serviço Salvador Atende 156
  • TeleHansen 0800-262001
  • Aeroporto Internacional de Salvador (71) 3204-1010 / 1030

Polícia Restaurante no Pelourinho é roubado 21 vezes; arrombadores levaram até as toalhas do estabelecimento

03 de outubro de 2019, às 12:23

Pela vigéssima primeira vez, desde a criação, há 20 anos, o restaurante Ponto Vital Santo Amaro, na rua das Laranjeiras, no bairro do Pelourinho, foi alvo de assaltantes. O último furto ao estabelecimento aconteceu na madrugada de quarta-feira (2).

O proprietário do restaurante, Adelson Souza, revelou com exclusividade ao BNews o cenário que encontrou ao chegar para mais um dia de trabalho. “Na hora de abrir o restaurante vi tudo revirado. Percebi que eles [bandidos] arrombaram o cadeado da grade do fundo e invadiram meu estabelecimento. Fiquei desesperado, passei mal pois já me roubaram muitas vezes”, conta.

“Desta vez roubaram 10 garrafas de vinhos, garrafas de Campari, uísque, aparelhos de som, cerca de R$ 200 que estava na caixa registradora e até tolhas me furtam desta vez. Mas já me roubaram fogão, pratos, som, tantas coisas que quase decreto falência. Ainda não calculei os prejuízos, só saí e chamei a polícia”, conta.

Ainda de acordo Edson, o sonho dele, que de garçom do restaurante se tornou proprietário, nesses momentos de crime contra o patrimônio se torna um pesadelo. “Tem hora que me dá vontade de desistir. Eu era garçom, virei gerente e agora sou proprietário. Mas quando tenho que dar queixa na delegacia mais uma vez, é complicado continuar. Eu recebo apoio de comerciantes locais, clientes e da polícia. Mesmo passando mal tenho que seguir. Eu já fui ao mercado repor o que me foi roubado, preciso abrir meu restaurante, independente da violência que sofri”, diz.

A títular da Delegacia de Proteção ao Turista (DELTUR), Maritta Sousa, informou que a queixa sobre o arrombamento ao restaurante foi registrada. Policiais foram ao local para averiguar o caso. Além disso, imagens de câmeras de segurança de restaurantes vizinhos identificaram duas pessoas arrombando o local, e já são utilizadas para tentar identificar os acusados. A títular da Deltur afirma que já tem suspeitos do crime e que, se confirmado as identidades do arrombadores, eles são reincidentes do delito no Pelourinho.
Atualização às 14h30:

Em nota, a secretaria da Segurança Pública informou que” existem, com este fato, quatro registros referentes ao estabelecimento. Um se tratando do furto de celular de uma cliente, outro sobre sumiços de peças de uma bicicleta, que foram recuperadas pela Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur), e outro sobre uma tentativa de furto. A SSP pede que todos esses 21 casos sejam registrados para que possam ser solucionados”.

Comentarios